18 February 2014

O RETORNO DE JESUS ESTÁ PRÓXIMO? - IS THE RETURN OF JESUS NEAR?


RETORNO-JESUS-PRÓXIMO

Ao constatarmos que todos os pré-requisitos para o início dos eventos que prenunciarão a chegada do fim dos tempos ainda não ocorreram, podemos supor que a Segunda Vinda de Jesus não será iminente. Mas podemos teorizar que já entramos nos anos finais da nossa era, onde vivenciaremos o desfecho da epopeia da civilização humana.

Entramos num tempo atípico, onde a vigília constante e a atenção redobrada, assim como a necessidade da preparação espiritual profunda, devem nortear a nossa existência. A sobrevivência provisória na Terra e a conquista da Salvação Eterna dependerão do conhecimento prévio dos acontecimentos vindouros, assim como de uma Fé inabalável em Jesus Cristo.

Dentre os acontecimentos que vitimarão nossa sociedade destaca-se o período da Grande Tribulação, quando durante três anos e meio o anticristo governará e transformará o mundo num celeiro de prevaricadores criados à imagem da besta: este período do domínio do anticristo só terá início após a abominação da desolação que compreenderá uma série de sacrifícios ritualísticos e satânicos cometidos no Templo de Jerusalém.

Neste contexto, o termo "abominação" refere-se a uma estátua da besta erigida pelo anticristo no Templo de Jerusalém, o profetizado "terceiro templo", onde ele declarar-se-á o deus encarnado. O anticristo cometerá atos degenerados visando corromper o espírito humano!

RETORNO-JESUS-PRÓXIMO

A humanidade verá sinais nos céus que conquistarão os fracos de espírito e impressionarão até os crentes mais fortes. Enfrentaremos a fome global e sofreremos com pestilências variadas e terríveis. Seremos vitimados por catástrofes: terremotos, erupções vulcânicas, inundações e finalmente seremos atingidos por asteroides.

Vivenciaremos a guerra final no Oriente Médio tendo como protagonistas Israel, as nações árabes, Rússia, China, EUA e a OTAN, que resultará na destruição de Damasco na Síria e de cidades em todo o Oriente Médio, assim como a devastação total em Israel.


Estes acontecimentos, que precedem o fim dos tempos, ainda não aconteceram e trazem a decepcionante mensagem que Jesus não retornará em breve. A boa notícia para muitos é que a Grande Tribulação também não acontecerá em seguida. Mas são conjecturas, pois a hora do fim só Deus sabe!

Relata o profeta Daniel: "Depois disto, eu continuava olhando, em visões noturnas, e eis aqui o quarto animal, terrível, espantoso e muito forte, o qual tinha grandes dentes de ferro. Ele devorava, fazia em pedaços e pisava aos pés o que sobejava. Era diferente de todos os animais que apareceram antes dele e tinha dez chifres. Eu considerava os chifres, e eis que dentre eles subiu outro chifre, pequeno, diante do qual três dos primeiros chifres foram arrancados. E eis que neste chifre havia olhos como os de um homem e uma boca que falava grandes coisas".

RETORNO-JESUS-PRÓXIMO

Outro fato marcante na Grande Tribulação será o nascimento de uma nova superpotência surgida de um reino renascido que será comandado pelo anticristo. Embora ninguém possa dizer de forma decisiva o que vai acontecer, as profecias indicam que um indivíduo poderoso vai ser parido deste império renovado, segundo o profeta Daniel: "Mas no fim do seu reinado, quando acabarem os prevaricadores, se levantará um rei feroz de semblante e que será entendido em adivinhações. E se fortalecerá o seu poder, mas não pela sua própria força. E destruirá maravilhosamente, e prosperará, e fará o que lhe aprouver. Destruirá os poderosos e o povo santo".


Antes do fim dos tempos haverá um aumento expressivo da imoralidade e criminalidade como não havia sido visto desde os tempos de Sodoma: "Nos últimos dias sobrevirão tempos terríveis. Os homens serão egoístas, avarentos, presunçosos, arrogantes, blasfemos, desobedientes aos pais, ingratos, ímpios, sem amor pela família, irreconciliáveis, caluniadores, sem domínio próprio, cruéis, inimigos do bem, traidores, precipitados, soberbos, mais amantes dos prazeres do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade mas negando o Seu poder. Não irão longe, pois a insensatez destes corruptores se tornará evidente a todos".

RETURN-JESUS-NEAR

Jesus foi enfático ao afirmar que seus seguidores deveriam aguardar e orar até Seu retorno. Atualmente nossa expectativa deve e pode se intensificar quando virmos mais e mais eventos na Terra tornando reais as profecias bíblicas, especialmente aquelas que indicam o premente retorno de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Depois que Jesus ressuscitou dos mortos Ele permaneceu na Terra por 40 dias, durante os quais mais de 500 pessoas O viram e, em seguida, subiu aos Céus para estar junto ao Seu Pai. Jesus Cristo literalmente ascendeu ao Céu até que as nuvens O encobriram da visão dos discípulos!

Devemos aceitar que somos constituídos de forma dualista, ou seja: pela coexistência do corpo físico com a alma imortal. Jesus afirmou que após a morte continuaremos com o mesmo caráter indelével do sinal espiritual impresso na alma pelo Sacramento Cristão do Batismo.

A maior mudança será que habitaremos um "corpo" imortal que não mais adoecerá nem envelhecerá. Estaremos livres de todas as dores, tristezas e totalmente conscientes da presença de Deus e, certamente, nos reuniremos com nossos entes queridos que aceitaram Jesus em seus corações durante a passagem terrena.

RETURN-JESUS-NEAR

O maior sinal profético do iminente retorno do Senhor Jesus será o reavivamento do poder do Espírito Santo sobre a população da Terra. Já estamos vivenciando esta época pois Deus está abrindo portas que nunca ninguém sonhou ser possível! Quando o clamor do arrebatamento das almas intensificar-se ainda mais e, à medida que as pessoas aceitarem que a Glória do Senhor pode tocar e transformar vidas, Sua presença preencherá toda a humanidade e santificará os povos da Terra.

"Levanta-te e resplandece porque é chegada a tua luz, e nascida sobre ti a Glória do Senhor. Pois eis que as trevas cobrirão a Terra e a escuridão os povos, mas sobre ti o Senhor virá e a Sua Glória se verá sobre ti. E nações caminharão para a Sua luz e reis para o resplendor da Sua aurora. Levanta ao redor os teus olhos e vê como todos estes se ajuntam e vêm ter contigo. Teus filhos vêm de longe e tuas filhas se criarão a teu lado".

Da mesma forma que pela desobediência de um só homem muitos foram feitos pecadores, por intermédio da obediência de Jesus Cristo a Seu Pai todos foram justificados. A Lei Mosaica foi introduzida para que a transgressão fosse ressaltada, mas quando aumentou o pecado entre os homens o amor de Deus se sobrepôs ao mal na Terra. O pecado reflete a morte da alma, mas Deus nos agraciou com a longevidade do espírito humano concedendo o dom da Vida Eterna mediante o amor de Jesus Cristo, o Filho de Deus.

JESUS CRISTO NÃO ERA JUDEU

1 comentários:

Anonymous said...

A esperança num futuro melhor fortalece a nossa luta no presente sombrio. Estamos unidos em Jesus Cristo até o fim dos tempos.

Post a Comment